Israel, seu renascimento marcou o início do cronômetro regressivo para o fim desta era

por Dionei Vieira,

A título de curiosidade, existem vários sinais apontando para o tempo em que vivemos como sendo o tempo do fim desta era, aqui está mais um desses sinais que está relacionado às profecias bíblicas, este sinal já foi cumprido e está visível por todo o mundo, leia o texto abaixo de Zacarias 4:2-6 e compare com o selo oficial do governo de Israel.

 

 

… e me perguntou: Que vês? Respondi: olho, e eis um candelabro todo de ouro e um vaso de azeite em cima com as suas sete lâmpadas e sete tubos, um para cada uma das lâmpadas que estão em cima do candelabro. Junto a este, duas oliveiras, uma à direita do vaso de azeite, e a outra à sua esquerda. Então, perguntei ao anjo que falava comigo: meu senhor, que é isto? Respondeu-me o anjo que falava comigo: Não sabes tu que é isto? Respondi: não, meu senhor. Prosseguiu ele e me disse: Esta é a palavra do SENHOR a Zorobabel: Não por força nem por poder, mas pelo meu Espírito, diz o SENHOR dos Exércitos” (Zacarias 4:2-6).

Ainda sobre Israel, um Rabino chamado Judah ben Samuel, antes de morrer, no ano de 1217, profetizou que os turcos otomanos conquistariam Jerusalém e governariam a Cidade Santa por ‘oito anos Jubileu’. Um ano jubileu bíblico consiste de 50 anos. Cinquenta multiplicado por oito é igual a 400 anos. Em seguida, de acordo com Ben Samuel, os otomanos seriam expulsos de Jerusalém, que continuaria a ser uma terra de ninguém por um ano jubileu (50 anos e foi assim de 1917 a 1967). No ano do décimo jubileu [2016/2017] … o fim dos tempos messiânicos começaria.

Olhando para trás, para a previsão de Ben Samuel, devemos notar que o Império Otomano conquistou Jerusalém em 1517, exatamente 300 anos após a morte do rabino, e foi derrotado 400 anos mais tarde, em 1917.

Essas não foram as únicas previsões bem-sucedidas desse rabino, tanto que à época de sua vida, suas profecias eram precisas para a época que ao ser questionado de como tinha ciência desses fatos ele respondeu que o profeta Elias tinha aparecido a ele e mostrado os eventos que ele descreveu. É no mínimo interessante que suas previsões tenham se concretizado com perfeição séculos após a sua morte. Curioso também que (2016/2017) marca o Jubileu da reconquista de Jerusalém em 1967 e 70 anos do renascimento de Israel.

Em Novembro de 1947, com a resolução 181 da ONU, cumpriu-se Isaías 66:8, como que marcando o início de um efeito cascata que libera todas as profecias relacionadas a esse tempo, a essa era em que o Eterno marcará na história, como sendo o fim de um tempo e o começo de outro. Fazendo isso mais uma vez através de Cristo (Yeshua, o Messias), com a sua vinda separará a história do mundo, foi assim há cerca de 2000 anos, separando a história em aC (antes de Cristo) e dC (depois de Cristo) e veremos algo tão marcante quanto novamente, em breve!

Quem jamais ouviu tal coisa? Quem viu coisa semelhante? Pode, acaso, nascer uma terra num só dia? Ou nasce uma nação de uma só vez? Pois Sião, antes que lhe viessem as dores, deu à luz seus filhos” (Isaías 66:8).

Como está o azeite de sua lâmpada para encontrar-se com o seu Senhor?

Buscai ao SENHOR enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.” (Isaías 55:6).

 

4 thoughts to “Israel, seu renascimento marcou o início do cronômetro regressivo para o fim desta era”

  1. Creio pois em Mateus 24 tem este assunto bem especificado do versc. 32 ao 34 ( não estou com a Bíblia aqui). Creio no q esta escrito em Amós 3.7 de que Deus NÃO FARA NADA SEM PRIMEIRO REVELAR SEUS SEGREDOS AOS SEUS SERVOS: OS PROFETAS. ALELUIAS… MARANATA

  2. Muito bom os comentários do blog, e esclarecedor, me chamou atenção esta frase – Pois Sião, antes que lhe viessem as dores, deu à luz seus filhos” (Isaías 66:8). As dores de Sião que a profecia se refere entendo como o tempo da tribulação descrito no livro de Apocalipse, portanto também entendo que o tempo determinado está as portas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *