Uma Pergunta, Um Lamento que Suscita Uma Resposta

Em vez de considerar a Bíblia apenas como um “Livro de Respostas” para as nossas perguntas, vale a pena pensar nela também como um “Livro de Perguntas” para as nossas respostas. Eu explico … quando nós a ouvimos, Deus nos questiona para que possamos conhecê-lO por meio do diálogo que ocorre dentro de nossas mentes e corações.

Como qualquer bom professor sabe, quando um estudante luta fervorosamente com uma pergunta, ele aprende ainda mais do que se lhe fosse dada uma resposta clara. Da mesma forma, o SENHOR nos permite ficarmos, por vezes, sem respostas claras para que possamos então estar livres para buscar, lutar, e “alcançar” o entendimento e a compreensão por meio de nosso relacionamento com ELE … assim, o nosso aprendizado será baseado em uma experiência real, substantiva e nascida da urgência de nossa própria necessidade interior.

Não é segredo algum que perguntas bem elaboradas e de qualidade por si só já indicam o caminho para uma resposta correta … um exemplo claro disso você pode observar nas pesquisas do Google, onde a qualidade da resposta que se procura está diretamente relacionada a qualidade dos termos usados para definir a busca que é feita … quanto melhor a escolha dos termos e da pergunta, melhor o resultado alcançado.

Na verdade, a primeira pergunta de Deus para o homem é sempre, em hebraico: אַיֶּכָּה ” ayekah “; “Onde você está?” ( vide Gênesis 3:9 ), a qual apela para nós reconhecermos como nós nos escondemos da verdade, que é o próprio SENHOR. “Onde está você?” é o chamado pungente do Pai buscando por seu filho perdido … e não deixa de ser importante você saber também que o termo em hebraico para essa pergunta … אַיֶּכָּה ” ayekah “; “Onde você está?”também pode ser compreendida como um grito de lamento, como pode ser visto em Lamentações 1:1, 2:1, 4:1 ( onde o termo com as mesmas letras no hebraico: אֵיכָה֙ ” ’êḵāh ; expressa um lamento de profunda dor: “Ahhh, ai … ai … ai …, como?!” ). O mesmo termo usado como pergunta por Deus de onde estava o homem, também é o mesmo termo que denota o desespero de um Pai que entende a gravidade do que ocorreu e, em meio a uma dor e angústia lancinante, devido a queda do homem e o seu pecado, grita em dor e lamento pela loucura que cometeu o seu filho ( Adão ), profundamente amado, e então expressa “Ai, ai, ai!!! Como?! Por que Adão?!”.

Quando entendemos isso em toda a sua abrangência e ouvimos o lamento e o questionamento de nosso Pai celeste, percebemos o quanto somos amados e então essa questão se torna “apropriadamente nossa“…, quando estamos dispostos a olhar como viemos a estar neste lugar atual de dor e desespero de nossas vidas e nos pegamos nos perguntando: “Que loucura eu fiz?! Onde estou e como cheguei aqui?!”, é porque estamos próximos da resposta e da solução. A pergunta e o profundo lamento de Deus que ecoa ao nosso coração é para nos levar para fora do “nosso esconderijo” para responder ao Seu chamado de amor por meio de Seu Filho, pois em Deus está a solução, a cura, a salvação e a redenção de que precisamos desesperadamente, como está escrito …

De longe se me deixou ver o SENHOR, dizendo: Com amor eterno Eu te amei; por isso, com benignidade te atraí.” (Jeremias 31:3)

Porque a tristeza segundo Deus produz arrependimento para a salvação, que a ninguém traz pesar; mas a tristeza do mundo produz morte.” (2 Coríntios 7:10)

Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo. Pois para vós outros é a promessa, para vossos filhos e para todos os que ainda estão longe, isto é, para quantos o SENHOR, nosso Deus, chamar.” (Atos 2:38-39)

Ouça a Palavra de Deus e responda hoje ao chamado de amor eterno do SENHOR, encontre a redenção por meio de Cristo e seja grandemente abençoado!!! 🙏❤️

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *