O Tempo de Luz do Dia e o seu Curioso Vínculo no Hebraico

 

Considere a duração relativa do tempo da luz do dia ( definido pelo intervalo entre o nascer e o pôr do sol ) e o tempo de escuridão ( o restante do ciclo de 24 horas ). Esse tempo nos define o tempo ao que chamamos de “dia” ( luz do dia ) e “noite” ( ausência da luz do dia ). É interessante que muitos acham que o tempo de dia e noite são, na média anual, de igual duração quando computado os seus valores ao longo do ano. Entretanto, devido a características do nosso planeta e de sua órbita elíptica, é interessante ressaltar que o tempo de luz do dia é relativamente pouco superior ao tempo de escuridão … uma forma tênue e muito discreta do SENHOR afirmar que a Luz é superior as Trevas já na construção da separação dos dias e anos, conforme está escrito …

Disse também Deus: Haja luzeiros no firmamento dos céus, para fazerem separação entre o dia e a noite; e sejam eles para sinais, para estações, para dias e anos.” (Gênesis 1:14)

Todas as coisas foram feitas por intermédio dEle, e, sem Ele, nada do que foi feito se fez. A vida estava nEle e a vida era a luz dos homens. A luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela.” (João 1:3-5)

A variação da duração do dia ao longo do ano é causada, como fato bem conhecido, pela inclinação da terra em 23,45° em relação ao eixo perpendicular e ao plano orbital em torno do Sol. Portanto, pode-se naturalmente perguntar sobre a média anual de duração da luz do dia – ou, equivalentemente -, qual a percentagem, em média, que constitui o dia e qual a percentagem que constitui a noite dentro do ciclo de vinte e quatro horas. Uma resposta intuitiva é de que seria 50% para cada, mas esta não é a resposta correta, visto que a a média anual desvia um pouco deste número dependendo da latitude em que ocorre a medição ( observe isso pelo gráfico compartilhado no início deste artigo ).

Por exemplo, para um ano padrão consistindo de aproximadamente 8760 horas, a duração máxima “aparente” do dia seria de 4380 horas, porém existem efeitos físicos e astronômicos que mudam essa proporção. Ou seja, a refração atmosférica permite que o Sol ainda seja visível, mesmo quando fisicamente se situa abaixo da linha do horizonte. Por essa razão, o tempo médio ( desconsiderando os efeitos das nuvens ) é mais longo nas áreas polares, onde o Sol aparente passa a maior parte do tempo no horizonte. Os lugares no Círculo Ártico têm o mais longo dia total anual com 4647 horas ( cerca de 53% do tempo do ano é de luz do dia ), enquanto que o Pólo Norte recebe 4575 horas ( cerca de 52% do tempo do ano é de luz do dia ). Devido à natureza elíptica da órbita da Terra, o Hemisfério Sul não é simétrico e por isso essa diferença entre os pólos. Já na linha do Equador tem-se o total do dia de 4422 horas por ano ( cerca de 50,5% do tempo do ano é de luz do dia ), já na região de Israel, em Jerusalém, por estar na latitude 31 ao norte, o tempo de luz do dia é de cerca de 51% ( mais precisamente 50,76% … guarde esse número! ).

Muito bem! … você deve estar pensando …, mas o que isso tem a ver com o hebraico??!! Ok, vamos lá então … no hebraico temos palavras relacionadas a esses períodos do dia, que são:

  • DIA em hebraico é יוֹם “yowm” ( vide Gn 1:14 ), cujo valor da palavra pelas letras é: 56 = ( 40 = םi) + (י = 10 ) + (ו = 6).
  • NOITE em hebraico é לילה “lay@lah”( vide Gn 1:14 ), cujo valor da palavra pelas letras é: 75 = (ל = 30) + (י = 10) + (ל = 30) + (ה = 5).
  • AMANHECER em hebraico é בקר “boqer” ( vide Gn 29:25 ), cujo valor da palavra pelas letras é: 302 = (ב = 2) + (ק = 100) + (ר = 200).
  • ANOITECER em hebraico é ערב `ereb ( vide Gn 19:1 ), cujo valor da palavra pelas letras é: 272 = (ע = 70) + (ר = 200) + (ב = 2).

Em face dessas informações, agora vamos adicioná-las juntas:

  • AMANHECER + DIA = 302 + 56 = 358
  • ANOITECER + NOITE = 272 + 75 = 347

A primeira coisa surpreendente de se observar sobre esses números acima é que eles são muito próximos um do outro ( como seria de se esperar visto o significado desses termos ). Agora, calculando os seus “pesos relativos” no somatório de seus valores numéricos ( que presume-se representar todo o dia de vinte e quatro horas ), encontramos:

  • Percentual de Luz do Dia: 358 / ( 358 + 347 ) = 358/705 = 50,78% ( lembrou de algo?! )
  • Percentual de Ausência de Luz do Dia: 347/705 = 49,22%

Em outras palavras, o “peso lingüístico” do AMANHECER + DIA implica que períodos de luz no ciclo diário de vinte e quatro horas constituem, em média, 50,78% do ciclo diário completo … observando que o idioma hebraico abrange especificamente Israel e olhando a partir de sua capital, Jerusalémesse valor de 50,78% é fantasticamente muito próximo do número de 50,76% calculado para a cidade de Jerusalém**. Seria isso apenas uma grande coincidência ou um processo altamente elaborado de design?! Quem conhece as Escrituras de forma profunda e os meus muitos estudos sobre esses temas já sabe a resposta … é design divino, sem dúvida!!! Não me canso de repetir … o Criador é espetacularmente majestoso …

Teu, SENHOR, é o poder, a grandeza, a honra, a vitória e a majestade; porque Teu é tudo quanto há nos céus e na terra; Teu, SENHOR, é o reino, e Tu Te exaltaste por chefe sobre todos. Riquezas e glória vêm de Ti, Tu dominas sobre tudo, na Tua mão há força e poder; Contigo está o engrandecer e a tudo dar força. Agora, pois, ó nosso Deus, graças Te damos e louvamos o Teu glorioso nome.” (1 Crônicas 29:11,12)

Que o SENHOR lhe abençoe e ilumine com a Sua maravilhosa luz! 🙏❤️

 

** Caso queira observar esses dados cientificamente e considerar toda a física envolvida no processo para se chegar nesses valores colocados neste artigo, tal como a fórmula usada para o gráfico compartilhado neste post, eu recomendo estes dois sites para você começar a fazer as suas análises e pesquisas: https://physics.stackexchange.com/questions/28563/hours-of-light-per-day-based-on-latitude-longitude-formula/320092http://www.jgiesen.de/astro/solarday.htm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *