O Deus que Se Oculta, a Fé e a Sua Relação com o Espaço-Tempo

.
A palavra hebraica “עלמּ`olam, significa longa duração, eternidade, mundo físico.
 
Esta única palavra aparece na Bíblia, com variações, não menos que 437 vezes. Na língua hebraica, `olam ( עלמּ ) representa tanto a dimensão física quanto a dimensão do tempo – relacionando-se, especificamente, com sua propriedade “ilimitada”. Assim, `olam ( עלמּ ) significa, simplesmente, “mundo físico” ( tudo o que existe ), mas também fala de “tempo“, “eternidade” ( relacionado ao tempo sem limites ), ou o tempo decorrido desde o início dos tempos até a eternidade.
 
Não deixa de ser curioso e até espantoso ver essa inter-relação entre a dimensão física e o tempo numa única palavra em hebraico há milhares de anos, pois somente recentemente a ciência, por meio da mente brilhante de Einstein, alcançou o entendimento dessa relação conjunta do espaço-tempo através da Teoria da Relatividade, a qual revolucionou a física fornecendo uma descrição unificada da gravidade como uma propriedade geométrica do espaço e do tempo, ou espaço-tempo. Mais uma vez uma descoberta da ciência moderna aponta para algo já descrito de forma cifrada nas Escrituras há muitos milênios.
 
A palavra `olam ( עלמּ ) é derivada da raiz “עלמּ`alam, que significa ocultar, esconder, ser escondido, ser ocultado, ser secreto. Na língua hebraica, essa raiz é origem de muitas palavras, todas com um senso comum: ser escondido, ocultado. Exemplos incluem “העלם” healem ( esquecimento, desaparecimento ), “תעלמה” ta`alummah ( mistério, segredo ), “להעלים” le-halim ( esconder ) e “להתעלם” le-hitalem ( ignorar, agir como se algo é inexistente ).
 
Olhando o sentido da palavra no seu significado mais concreto como era utilizado nos primórdios pelo povo hebreu, `olam ( עלמּ ) significa “além do horizonte“, apontando para algo distante e escondido, tanto fisico quanto temporal, por isso a relação de `olam ( עלמּ ) com sua raiz `alam ( עלמּ ).
 
Você pode então justificadamente perguntar: Qual é a conexão entre “mundo” e “ocultação”? A resposta está escondida no clamor do profeta Isaías a Deus …
 
Verdadeiramente, Tu és Deus que Se oculta ( Se esconde, misterioso ), ó Deus de Israel, ó Salvador.” (Isaías 45:15)
 
O tema do Deus oculto é repetido inúmeras vezes na Bíblia. Por exemplo, quando Moisés pede a Deus “Mostre-me a Tua glória” (Êxodo 33:18), a resposta que ele recebe é …
 
Não Me poderás ver a face, porquanto homem nenhum verá a Minha face e viverá. Disse mais o SENHOR: Eis aqui um lugar junto a Mim; e Tu estarás sobre a penha. Quando passar a Minha glória, Eu te porei numa fenda da penha e com a mão te cobrirei, até que Eu tenha passado. Depois, em tirando Eu a mão, Tu Me verás pelas costas; mas a Minha face não se verá.” (Êxodo 33:21-23).
 
A tradição judaica interpreta isso implicando que a presença de Deus pode ser evidenciada pelas coisas que já ocorreram no passado (“Tu Me verás pelas costas“), entretanto, a própria existência de Deus está escondida dos olhos. Isso é muitas vezes comparado com o fato de que se pode ver o corpo humano, em suas várias manifestações, mas não a alma e o espírito que reside dentro de cada um. Da mesma forma como no Tabernáculo de Moisés no deserto, onde o Pátio ( que simboliza o corpo ) poderia ser visto abertamente, mas o Lugar Santo ( que representa a alma) e o Lugar Santíssimo ( que representa o espírito ) ficavam escondidos pelas várias coberturas e os véus do Santuário. Por isso o autor de Hebreus escreve que o caminho ao SENHOR foi por meio da destruição do véu ( a cobertura que simboliza a carne … nesse caso a carne de Jesus que escondia a Sua natureza divina ) que esconde o Santuário …
 
Tendo, pois, irmãos, intrepidez para entrar no Santo dos Santos, pelo sangue de Jesus, pelo novo e vivo caminho que Ele nos consagrou pelo véu, isto é, pela Sua carne” (Hebreus 10:20)
 
O sentido e o uso da palavra `olam ( עלמּ ) agora se torna claro: o mundo inteiro é uma manifestação do oculto de Deus. Deus está no mundo, mas o mundo inteiro é também um testemunho do Deus que Se esconde ( Isaías 45:15 ) e isso para que o homem sempre tenha que fazer uso da fé, porque …
 
… sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que Ele existe e que se torna galardoador dos que O buscam.” (Hebreus 11:16)
 
O design na palavra hebraica para “mundo” e “eternidade” agora torna-se óbvio: em uma única palavra, `olam ( עלמּ ), está descrito toda a criação que envolve o mundo físico e o tempo, percebidos na física moderna pela relação espaço-tempo que rege o universo, mas que também fala do Criador de todas as coisas e que Se esconde, que Se oculta para que o homem possa fazer uso de seu poder de escolha e busque ou não ter um relacionamento com aquEle que o criou.
 
Recomendo que você busque ao SENHOR enquanto ainda pode, como está escrito …
 
Buscai o SENHOR enquanto se pode achar, invocai-O enquanto está perto. Deixe o perverso o seu caminho, o iníquo, os seus pensamentos; converta-se ao SENHOR, que Se compadecerá dele, e volte-se para o nosso Deus, porque é rico em perdoar.” (Isaías 55:6,7)
 
O SENHOR está muito perto de você, não se deixe enganar pelo véu do espaço-tempo dessa criação, pois escondido atrás desse véu está o Criador, esperando para lhe encontrar e mudar a sua vida de uma forma como você nunca poderia imaginar e lhe mostrar o bom propósito que Ele tem para a sua vida.
 
Que Deus lhe abençoe e lhe ilumine!🙏❤️

One thought to “O Deus que Se Oculta, a Fé e a Sua Relação com o Espaço-Tempo”

  1. Ter conhecimento é algo belo, mais conhecer uma particula do que Deus tem nos preparado transcende esta beleza. Que Deus te abeçoe e continue iluminado!

    Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *